59 Municípios Participam de Capacitação do Selo UNICEF em Palmas

Data do post: 12/03/2018 15:53:13 - Visualizações: 321

“Nós da Assistência Social, tanto quanto da Educação e da Saúde, temos a clareza do que precisa ser construído para os jovens de nosso Estado e precisamos caminhar juntos; e o Articulador do Selo tem que estar sempre confiante e acreditando naquilo que levará para o seu município”.

Setas-TODessa forma a gestora da Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas) falou sobre a importância da intersetorialidade e do papel do mobilizador na construção das políticas públicas voltadas para os jovens, durante a abertura do 1º Encontro de Capacitação do Selo UNICEF edição 2017-2020, que acontece na segunda e terça-feira, 12 e 13, de 8h às 18h, na Universidade Federal do Tocantins (Unitins), em Palmas.

O evento é voltado a gestores e técnicos municipais com o objetivo de qualificar a sua atuação nos processos de elaboração, execução, monitoramento e avaliação de políticas públicas, sendo o primeiro momento de aproximação com os municípios após o processo de adesão.

Setas-TO“Estamos iniciando, de fato, o processo de formação dos municípios para esta 3ª edição do Selo UNICEF, com o objetivo de trabalhar com os gestores e articuladores o modo de reduzir as desigualdades existentes entre os municípios, mas fundamentalmente de como garantir os direitos das crianças e adolescentes”, disse o representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), Antônio Carlos Cabral.

Contando com 59 municípios participantes, essa primeira capacitação discutirá no primeiro dia a metodologia do Selo, os resultados esperados dos municípios participantes, os indicadores que serão monitorados e como os municípios serão avaliados; e no segundo dia será visto como os municípios deverão realizar o 1º Fórum Comunitário, que se constitui para os municípios um momento de engajamento da sociedade e fundamentalmente da participação do adolescente para discutir as políticas que podem melhorar e transformas suas vidas, e é uma etapa obrigatória na realização do Selo.

Setas-TOA adolescente Sofia Soraya Sales Pinto, de 13 anos, falou da importância da participação dos jovens nas políticas públicas que os beneficiam. “Acredito que o jovem tem que ser protagonista. Precisamos quebrar o paradigma de termos as políticas públicas, voltadas aos jovens, pensadas somente por adultos”, disse ela.

O Estado do Tocantins tem 85 cidades que aderiram, até o momento, ao Selo UNICEF; a próxima capacitação será em Araguaína nos dias 15 e 16 de março.

Selo UNICEF

É uma certificação internacional concedida pelo UNICEF aos municípios da Amazônia Legal e do Semiárido em reconhecimento aos avanços reais e positivos na vida de crianças e adolescentes, e visa estimular os municípios a implementar políticas públicas para redução das desigualdades e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).



Fonte: Setas-TO