Deputada Dorinha Garante Liberação de R$ 3,4 Milhões Para o IFTO e Instalação de Novos Câmpus

Data do post: 08/06/2018 11:38:07 - Visualizações: 422

Deputada Dorinha garante liberação de R$ 3,4 milhões para o IFTO e instalação de novos câmpus.

Ascom/Gab. Dep. Fed. DorinhaO Ministério da Educação repassou na última semana R$ 3.450.618,79 para obras de ampliação e modernização dos câmpus do Instituto Federal do Tocantins (IFTO) no interior do Estado. Esse repasse foi uma solicitação da deputada Professora Dorinha (Democratas/TO) e irá atender as unidades de Araguatins, Colinas do Tocantins, Dianópolis e Lagoa da Confusão.

“Durante todo o meu mandato tenho buscado honrar o meu compromisso em defesa da educação. Tenho orgulho dessa parceria firmada com o IFTO e a liberação desses recursos certamente será bastante proveitosa para o desenvolvimento da instituição no interior do Tocantins”, disse Dorinha.

O recurso será utilizado para a construção de complexo esportivo, refeitório, quadra poliesportiva e garagem.

Cada câmpus recebeu respectivamente:

Araguatins - Obra: Complexo Esportivo - Valor R$ 830.00,00.

Colinas do Tocantins - Obra: Garagem - Valor R$ 830.164,83;

Dianópolis - Obra: Refeitório - Valor R$ 928.010,12;

Lagoa da Confusão - Obra: Quadra Poliesportiva - Valor R$ 862.443,84;

IFTO em Taguatinga e Palmeirópolis

A deputada Professora Dorinha e o reitor do IFTO Antônio da Luz Junior também iniciaram as tratativas para a instalação de câmpus da instituição nas cidades de Taguatinga e Palmeirópolis. Em reunião com a participação do prefeito Altamirando Gonçalves (Miranda), foi definido que uma equipe técnica irá ao município para iniciar os estudos e realizar uma audiência pública. O prefeito Miranda se colocou à disposição para ajudar em todos os trabalhos e a prefeitura disponibilizará uma área para a construção da sede definitiva. Da mesma forma ocorrerá em Palmeirópolis.

“Taguatinga e Palmeirópolis com certeza serão importantes polos de atendimento na área da educação. É a oportunidade que os filhos dessas duas cidades e dos municípios circunvizinhos terão para fazer cursos técnicos e superiores”, destacou Dorinha.



Fonte: Ascom/Gab. Dep. Fed. Dorinha