Prefeita de Palmeiras do Tocantins Procura a Delegacia Após Ser Vítima de Golpe de Estelionatários

Data do post: 10/09/2020 12:57:23 - Visualizações: 1771

Foto ReproduçãoNalva Braga, prefeita da cidade de Palmeiras do Tocantins na região do Bico do Papagaio procurou a delegacia de polícia da cidade de Tocantinopolis para relatar que teria caído num golpe de estelionatários que se passaram por representantes do BNDES.

Os primeiros contatos do falso representante do Banco Nacional de Desenvolvimento aconteceram no final do ano de 2019, onde o estelionatário dizia facilitar e agilizar um empréstimo pessoal de R$ 200 mil reais desde que Nalva desse um sinal de R$ 20 mil como garantia de que ela teria condições de pagar tal financiamento para que fosse feito os trâmites para o empréstimo com juros baixíssimos que o banco oferece para investimentos.

De início, Nalva relatou em um boletim de ocorrências registrado nesta quinta-feira (10), na delegacia de polícia de Tocantinópolis, que não aceitou a proposta, mais diante da insistência e visita pessoal à sua casa, do homem que se apresentou pelo nome de Antônio Celso, que em um teatro inigualável mostrando supostos clientes que já havia conseguido facilitar esse mesmo empréstimo pessoal anteriormente, deixou Nalva balançada.

O estelionatário que se fazia passar por superintendente do BNDES, continuou insistindo com a oportunidade do empréstimo facilitado e em 24 de Junho deste ano Nalva sucumbiu diante da oferta e realizou o depósito para a conta bancária em nome de Marlon Lima Melo, que segundo Antônio Celso, era o responsável por agilizar a liberação.

Apos fazer o depósito e posteriormente cobrar tal financiamento, Braga ficou surpresa ao receber como resposta, ameaça de que se ela continuasse lhe cobrando o empréstimo ele iria “tentar denegrir a imagem dela politicamente” através das redes sociais.

Foto ReproduçãoNão satisfeito com o golpe dado, Antônio Celso que pra outras vítimas já havia se apresentado como sendo Raimundo, conseguiu entrar em alguns grupos do aplicativo WhatsApp de Palmeiras do Tocantins e passou a jogar fotos e áudios na tentativa de atrapalhar Nalva que está em plena campanha da sua pré candidatura á reeleição, onde a última pesquisa registrada no TRE, mostra Nalva como sendo a favorita dos eleitores de Palmeiras.

Vale ressaltar que a atual gestora, após os ataques do estelionatário, passou a ser vítima dos famosos Fake News que estão sendo disseminados por pessoas que tentam se aproveitar da situação e transmitem

Indiscriminadamente os áudios e fotos liberados pelo golpista, o que configura crime previsto as sanções da legislação atual. Inclusive o próprio TSE tem alertado com ampla divulgação sobre os perigos e malefícios do Fake News tanto de quem está sendo vítima como para quem os transmite, citando as punições que poderão acarretar para quem insiste nessa prática.



Fonte: Redação do Tocnoticias