TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Araguaína Receberá o 4º Seminário Sobre a Retirada da Vacinação Contra a Febre Aftosa

Data do post: 19/11/2019 18:37:27 - Visualizações: (460) Imprimir

Adapec Tocantins Com o objetivo de dar amplo conhecimento e esclarecer a todos os envolvidos na cadeia produtiva da pecuária, sobre a retirada da vacinação contra a febre aftosa, o Governo do Tocantins, por meio da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) realizará, nesta quinta-feira, 21, às 14h, na sede do Sindicato Rural de Araguaína, o 4° Seminário do Plano Estratégico do Tocantins Livre de Febre Aftosa sem Vacinação.

O seminário contará com palestra dirigida pelo responsável técnico do Programa Estadual de Erradicação da Febre Aftosa, João Eduardo Pires, que abordará as mudanças no Plano Estratégico Nacional para a retirada da vacinação contra febre aftosa. Sendo a principal delas, a unificação do cronograma para retirada da vacina dos blocos II, III e IV que passam agora a terem a mesma data, em maio de 2021. Com isso, não haverá mais proibição do trânsito de animais entre os estados que estão nestes blocos.

“Realizamos em Araguaína o 2º Seminário sobre a retirada da vacina contra aftosa, porém, em agosto deste ano, o Ministério da Agricultura promoveu uma mudança importante no cronograma de retirada da vacinação, e por isso, retornaremos àquele município para apresentar aos produtores rurais e a todos os interessados na cadeia produtiva da pecuária estas novas mudanças que serão benéficas para o Tocantins,” disse o presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha.

Parceiros

O evento conta com o apoio da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro); Ruraltins, Sindicato Rural de Araguaína; Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Fundo Privado de Desenvolvimento Agropecuário do Estado do Tocantins (Fundeagro) e Sistema Faet/Senar.

Fonte: ADAPEC Tocantins

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.