TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Bombeiros Militares Mergulham à Procura de Professor Desaparecido em Tupirama

Data do post: 02/12/2019 15:50:51 - Visualizações: (306) Imprimir

Corpo de Bombeiros Militar-TO A Companhia Independente de Busca e Salvamento (CIBS), do Corpo de Bombeiros Militar, realiza buscas ao corpo do professor Ricardo Albaceta Júnior, de 38 anos, que se afogou no Rio Tocantins, na manhã deste domingo, 01. Segundo relatos, Ricardo estava tomando banho, na altura da cidade de Tupirama, quando desapareceu.

No domingo, bombeiros mergulhadores realizaram as buscas por cinco horas seguidas, até o anoitecer, mas sem êxito. As ações no local onde o professor desapareceu foram retomadas na manhã desta segunda-feira.

Naufrágio

Outra ocorrência de afogamento já havia sido registrada pelo Corpo de Bombeiros Militar ainda no sábado, 30, porém, envolvendo uma pequena embarcação. A vítima era uma criança de 06 meses de vida.

A embarcação fazia a travessia do rio, com três pessoas, quando afundou e o bebê, Antony, desapareceu. Apesar de muitas buscas, os mergulhadores não tiveram êxito. O corpo da criança foi encontrado no dia seguinte, a 40 quilômetros do local, por ribeirinhos.

Idoso

Na sexta-feira, 29, por volta das 9h30, um idoso de 75 anos veio a óbito após se afogar em um rio no município de São Félix. Sebastião Ribeiro Matos, segundo relato de testemunhas, havia consumido bebida alcoólica antes de entrar na água para a travessia.

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, o local onde o idoso se afogou tem com cerca de dois metros de profundidade e o desaparecimento foi a cerca de 30 metros da margem. O corpo de Sebastião foi encontrado no dia seguinte e deixado a disposição do Instituto Médico Legal (IML).

Fonte: Corpo de Bombeiros Militar -TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.