TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Policiais Militares Recebem Treinamento Sobre o Sistema de Videomonitoramento de Tocantinópolis-TO

Data do post: 06/12/2019 14:36:01 - Visualizações: (1599) Imprimir

Ascom/ 5ª CIPM A 5ª Companhia Independente de Polícia Militar – 5ª CIPM, realizou na Sala de Videomonitoramento da Unidade, um treinamento para os operadores do videomonitoramento que atuam na Unidade.

O treinamento contou com a presença de vários militares da Unidade e principalmente os que vão operar diretamente o sistema. A Instrução foi ministrado pelo técnico Jerry Júnior, responsável pela manutenção dos equipamentos, e destinou-se a qualificar o efetivo em relação ao videomonitoramento por câmeras da cidade com apontamentos de todas as possibilidades de estratificação de informações, além de identificar ocorrências, emitir alarmes e efetuar pesquisas específicas. Os Policiais militares escalados na função de Dia Copom e Auxiliar de Dia serão os responsáveis diretos em operar o videomonitoramento, estando aptos a operar as tecnologias disponibilizadas no sistema.

Ascom/ 5ª CIPM O sistema de videomonitoramento conta câmeras de última geração, Speed Dome e OPL/OCR leitora de placas, instaladas em vários pontos estratégicos da cidade. O vídeo monitoramento é a atividade desenvolvida por um conjunto de equipamentos que captam imagens e a transmitem em tempo real para uma central de monitoramento para serem gerenciadas. Permite a vigilância eletrônica de vários locais ao mesmo tempo com um número reduzidos de operadores.

De acordo com o Comandante da 5ª CIPM Ten. Cel QOPM Valdemi Silva Reis, o Sistema será inaugurado e entregue no dia 17 de dezembro de 2019.

Fonte: Ascom/ 5ª CIPM

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.