TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Parlamentar Pede Esclarecimento de Assassinato de Adolescente em Talismã

Data do post: 13/02/2020 15:14:20 - Visualizações: (125) Imprimir

Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins Reforçando a luta em defesa e proteção de crianças e adolescentes vítimas de violência e pelo combate aos crimes contra mulheres, a deputada Valderez Castelo Branco (PP) usou a tribuna nesta quinta-feira, 13, para pedir empenho da Polícia Civil do Tocantins para esclarecer o assassinato de uma adolescente de 12 anos ocorrido na cidade de Talismã. Em solidariedade à família da vítima, a parlamentar ressaltou que a sociedade anseia por Justiça nesse caso e punição ao assassino.

Segundo Valderez, o assassinato de Andressa Aires, que estava desaparecida desde o início deste mês, chocou a cidade de Talismã, devido a crueldade e violência contra a vítima.

A parlamentar aproveitou a oportunidade para agradecer o empenho da Polícia Civil de Itacajá, em especial a delegada Jeanie Daier de Andrade, que comandou a investigação e pela prisão do acusado pelo crime de estupro de duas crianças de 10 e 11 anos. Para a deputada, a punição de tal crime e de todos aqueles praticados contra crianças, adolescentes e mulheres merecem todo rigor da Justiça.

Prioridade

Em defesa das mulheres vítimas de violência doméstica, também foi encaminhado para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), na sessão desta quinta-feira, 13, projeto de autoria da deputada Amália Santana (PT), que dispõe sobre a prioridade no atendimento à mulher nas Delegacias da Polícia Civil no Tocantins. Para a autora, a prioridade se faz necessária, pois a experiência desses casos para a mulher costuma ser delicado e constrangedor. Desta forma, o adiantamento do atendimento pouparia as mulheres de situações desconfortáveis.

Fonte: Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.