TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Homem Suspeito de Latrocínio é Preso Pela Polícia Civil

Data do post: 18/03/2020 16:09:43 - Visualizações: (490) Imprimir

Secretaria de Segurança Pública-TO A Polícia Civil, por meio da 98ª Delegacia de Natividade, efetuou, na tarde desta terça-feira, 17, a prisão de um indivíduo de 29 anos de idade, que é o principal suspeito de ser o autor de um homicídio ocorrido em de março do corrente ano, em Paranã. A vítima foi um homem de 60 anos. A ação contou com o apoio da 8ª Delegacia Regional de Dianópolis (8ª DRPC).

Segundo o delegado titular da 8ª DRPC, Rafael Santos e Silva, o indivíduo foi localizado e preso mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Paranã, onde o crime foi praticado. “Após intenso trabalho investigativo, conseguimos elucidar a autoria e a motivação do roubo seguido de morte e, no dia 10 de março apreendemos a menor infratora que participou do crime, bem como identificamos o homem que seria, em tese, o responsável por efetuar dois disparos de revólver contra o idoso que acabou vindo a óbito”, disse o delegado.

Com base nas informações levantadas, os policiais civis de Paranã e Natividade intensificaram as buscas e diligências, uma vez que havia indícios de que o suspeito poderia estar escondido na cidade de Natividade. Uma vez localizado o paradeiro do indivíduo suspeito pelo crime, os policiais civis realizaram a captura do mesmo. Após ser detido, o homem foi conduzido até a sede da 98ª DPC, em Natividade.

O investigado foi recolhido na Cadeia Pública local, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Paranã, cidade para onde deverá ser recambiado em breve.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública-TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.