TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Segurança Pública Participa da Agrotins 2020 100% Digital Com Informações Sobre Segurança na Internet e Passo a Passo Para Usar a Delegacia Virtual

Data do post: 27/05/2020 14:23:53 - Visualizações: (331) Imprimir

Secretaria de Segurança Pública-TOInternautas terão acesso à informações sobre como registrar virtualmente um Boletim de Ocorrência e o que fazer em casos de crimes virtuais.

A Secretaria de Estado da Segurança (SSP-TO) está presente na Agrotins 2020 100% Digital. Com o tema “Cerrado Sustentável”, a maior Feira Agrotecnológica do Tocantins, a Agrotins, começa nesta quarta-feira, 27, a partir das 9 horas, com uma live de abertura com o  governador do Tocantins, Mauro Carlesse, recebendo, de forma virtual, a  ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina; o secretário de Agricultura, Pecuária e Aquicultura, César Halum; e o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Celso Moretti. 

A presença da SSP-TO poderá ser conferida na plataforma www.agrotins.to.gov.br, na aba destinada aos pavilhões institucionais. Lá, os participantes terão acesso à informações sobre como registrar virtualmente um Boletim de Ocorrência e o que fazer em casos de crimes virtuais.

No mundo globalizado, o acesso à internet está se tornando cada vez mais comum entre os produtores rurais. Dados de 2017 de uma pesquisa nacional do DataSebrae apontam que aproximadamente 52% desse público utiliza celular com acesso à internet. Desses, 74,10% afirmaram utilizar a internet no celular tanto para questões pessoais quanto relacionadas a negócios.

No entanto, a proporção de produtores rurais que possuem perfis ou páginas em redes sociais ainda é baixa, com um índice de apenas 16%. Ao mesmo tempo, ainda é pequena nesse segmento a prática do e-commerce, sendo que apenas 4% dos produtores rurais já realizaram vendas pela internet e 6% fizeram algum tipo de compra.

Crimes Cibernéticos

No Tocantins, a Divisão Especializada de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) da Polícia Civil informa que não existem investigações em curso sobre crimes cibernéticos voltados para produtores rurais. Ainda assim, o delegado adjunto da DRCC, Claudemir Luiz Ferreira, alerta que ter atenção quanto ao uso da internet e disponibiliza algumas orientações básicas para que as pessoas evitem ser vítimas desse tipo de crime:

1 - Não acessar sites através de links recebidos;

2 - Não abrir e-mails desconhecidos;

3 - Desconfiar de ofertas fora da realidade;

4 - Ao receber boletos para pagamentos, verificar com o beneficiário os dados inseridos no boleto.

Para registrar boletim de ocorrência virtual acesse https://www2.ssp.to.gov.br/delegaciavirtual/ ou faça sua denúncia presencialmente na Delegacia de Polícia mais próxima de sua casa, no horário das 14 às 18 horas; ou ainda no mesmo horário, na sede da DRCC, na Avenida Teotônio Segurado, Complexo de Delegacias, quase em frente ao Hotel Casagrande. A Agrotins 2020 100% Digital segue até sexta-feira, 29, com programação ao vivo das 8 às 18 horas.

Internautas terão acesso à informações sobre como registrar virtualmente um Boletim de Ocorrência e o que fazer em casos de crimes virtuais.

A Secretaria de Estado da Segurança (SSP-TO) está presente na Agrotins 2020 100% Digital. Com o tema “Cerrado Sustentável”, a maior Feira Agrotecnológica do Tocantins, a Agrotins, começa nesta quarta-feira, 27, a partir das 9 horas, com uma live de abertura com o  governador do Tocantins, Mauro Carlesse, recebendo, de forma virtual, a  ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina; o secretário de Agricultura, Pecuária e Aquicultura, César Halum; e o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Celso Moretti. 

A presença da SSP-TO poderá ser conferida na plataforma www.agrotins.to.gov.br, na aba destinada aos pavilhões institucionais. Lá, os participantes terão acesso à informações sobre como registrar virtualmente um Boletim de Ocorrência e o que fazer em casos de crimes virtuais.

No mundo globalizado, o acesso à internet está se tornando cada vez mais comum entre os produtores rurais. Dados de 2017 de uma pesquisa nacional do DataSebrae apontam que aproximadamente 52% desse público utiliza celular com acesso à internet. Desses, 74,10% afirmaram utilizar a internet no celular tanto para questões pessoais quanto relacionadas a negócios.

No entanto, a proporção de produtores rurais que possuem perfis ou páginas em redes sociais ainda é baixa, com um índice de apenas 16%. Ao mesmo tempo, ainda é pequena nesse segmento a prática do e-commerce, sendo que apenas 4% dos produtores rurais já realizaram vendas pela internet e 6% fizeram algum tipo de compra.

Crimes Cibernéticos

No Tocantins, a Divisão Especializada de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) da Polícia Civil informa que não existem investigações em curso sobre crimes cibernéticos voltados para produtores rurais. Ainda assim, o delegado adjunto da DRCC, Claudemir Luiz Ferreira, alerta que ter atenção quanto ao uso da internet e disponibiliza algumas orientações básicas para que as pessoas evitem ser vítimas desse tipo de crime:

1 - Não acessar sites através de links recebidos;

2 - Não abrir e-mails desconhecidos;

3 - Desconfiar de ofertas fora da realidade;

4 - Ao receber boletos para pagamentos, verificar com o beneficiário os dados inseridos no boleto.

Para registrar boletim de ocorrência virtual acesse https://www2.ssp.to.gov.br/delegaciavirtual/ ou faça sua denúncia presencialmente na Delegacia de Polícia mais próxima de sua casa, no horário das 14 às 18 horas; ou ainda no mesmo horário, na sede da DRCC, na Avenida Teotônio Segurado, Complexo de Delegacias, quase em frente ao Hotel Casagrande. A Agrotins 2020 100% Digital segue até sexta-feira, 29, com programação ao vivo das 8 às 18 horas.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública-TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.