TOCANTINÓPOLIS:
Facebook Youtube Twitter
Siga-nos:

Acidente Entre Motocicleta e Carro Vitimiza Pai e Filho em Tocantinópolis

Data do post: 21/07/2019 23:50:28 - Visualizações: (11016) Imprimir

Imagem do Site www.tocnoticias.com.brUm acidente tipo colisão envolvendo uma motocicleta Honda Titan 150 de cor preta de placa: MWK-2029 e um Chevrolet/Classic LS de cor preta e placas: OJI-7955 vitimizou pai e filho que estavam trafegando na motocicleta.

O pai, Darilson Taveira de Menez de 36 anos que pilotava a moto na hora do acidente morreu no local, já o filho L.T. de A. de 16 anos sofreu fratura no Fêmur, foi socorrido por uma ambulância até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), e de lá foi encaminhado para o hospital regional de Augustinópolis.

Segundo informações de testemunhas, o motorista do Classic apontado como sendo Fernando Costa e Silva, conhecido pela alcunha de "Nandim", descia pela Rua Tocantins quando na esquina com a Travessa Araguai no Setor Alto da Boa Vista I, colidiu com a motocicleta que estava sendo conduzida por Darilson e seu filho na garupa.

Imagem do Site www.tocnoticias.com.brO impacto da batida foi enorme, sendo que a motocicleta foi jogada há alguns metros de distância vindo a colidir em um muro de uma casa próxima da perigosa esquina, ficando caído o corpo agonizante de Darilson que faleceu poucos minutos depois no local.

Após o acidente, o condutor do Classic se evadiu vindo a abandonar o veículo próximo ao campo de futebol conhecido por "Maconhão".  A polícia militar foi acionada em duas viaturas, sendo que uma ficou no local do acidente preservando a cena para os trabalhos técnicos da perícia, e a outra ficou de prontidão no lugar onde o carro foi abandonado para também ser periciado.

Fonte: Redação do Tocnoticias

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.