TOCANTINÓPOLIS
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter

Governo Do Tocantins Registra Sétimo Caso De Mormo Em Equídeo

Data do post: 07/10/2020 15:18:35  Imprimir

ADAPEC-TOO Governo do Tocantins, por meio da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), confirmou o sétimo caso de mormo este ano, desta vez, em um cavalo numa propriedade rural localizada no município de Araguatins, região norte do Estado. A constatação chegou à Agência na sexta-feira, 2, após a realização do exame complementar confirmatório de western blotting feito no laboratório oficial do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). A eutanásia do animal será realizada nos próximos dias.

Todas as medidas sanitárias estão sendo tomadas: interdição da propriedade, eutanásia do equídeo por meio do método químico com o fármaco T-61 para garantir o bem-estar animal, saneamento na propriedade rural, bem como investigação dos animais considerados vínculos epidemiológicos para colheita de material de todos os animais susceptíveis à doença, dentre outros.

Segundo a responsável pelo Programa Estadual de Sanidade dos Equídeos da Adapec, Isadora Mello Cardoso, a Agência antes mesmo de receber a informação da confirmação do caso, por meio do laboratório oficial do Mapa, tomou as primeiras providências já interditando a propriedade e alertando o proprietário sobre a doença. "Ele nos informou que há apenas este animal na propriedade, porém, vamos investigar os vínculos para mantermos o controle da doença”, ressaltou.

“Para controlar essa doença, precisamos contar com o apoio dos criadores para que cumpram as exigências legais sobre trânsito de animais e evitem a transmissão de mormo, pois além da enfermidade causar prejuízos econômicos, pode ser transmitida para o ser humano”, destacou o presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha.

Este é o primeiro caso de mormo no município de Araguatins. Este ano, outros casos ocorreram nos municípios de Formoso do Araguaia, Dueré, São Salvador e Santa Fé.

Por se tratar de uma zoonose, a Agência comunicou, à Secretaria de Estado da Saúde, sobre a confirmação do caso, conforme prevê a legislação. Vale lembrar que em casos de suspeita da doença, o produtor rural deve notificar imediatamente à Adapec em uma das suas unidades ou pelo Disque Defesa 0800 63 11 22, bem como denunciar trânsito clandestino de animais.

Mormo

É uma doença infectocontagiosa causada por bactéria que acomete principalmente os equídeos (asininos, equinos e muares). Nos equídeos, os principais sintomas são nódulos nas narinas, corrimento purulento, pneumonia, febre e emagrecimento. Existe ainda a forma latente (assintomática), na qual os animais não apresentam sintomas, mas possuem a enfermidade.

 

Fonte: ADAPEC-TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.