Tocantinópolis - TO
TOCNOTÍCIAS Vocês Fazem a Notícia, Nós Apenas Divulgamos!
Siga-nos
Facebook Youtube Twitter
rhana_ar_condicionado_1015x150_gif

Delegacia De Repressão a Roubos Da Polícia Civil Indicia Dois Homens Por Latrocínio Tentado Em Araguaína

Data do post: 04/02/2021 20:29:31 Imprimir -  Compartilhar

Secretaria de Segurança PúblicaHomens efetuaram vários disparos contra policiais militares que foram atender a ocorrência de roubo.

A Delegacia de Repressão a Roubos de Araguaína (DRR) da Polícia Civil do Tocantins concluiu nesta quinta-feira, 4, o inquérito que apurava as circunstâncias de uma tentativa de latrocínio ocorrida no dia 22 de janeiro de 2021, na cidade. Na oportunidade, o delegado-chefe da unidade, Felipe Crivellaro, indiciou dois indivíduos, sendo um de 19 anos e outro de 18 anos os quais, supostamente, são integrantes de uma facção criminosa, pela prática, em tese, dos crimes de tentativa de latrocínio e corrupção de menores.

Segundo apontaram as investigações das equipes da DRR, durante a execução de um roubo em uma residência no setor JK, com emprego de arma de fogo e restrição de liberdade da vítima, os dois autores, com auxílio de uma adolescente de 14 anos, renderam e amarraram a proprietária do imóvel, iniciando a subtração dos pertences da casa. No entanto, a ação delituosa foi interrompida pela chegada da Polícia Militar, momento em que, após ordenarem a rendição dos suspeitos, os policiais foram recebidos com disparos de arma de fogo efetuados por um dos autores, o qual, em revide policial, foi alvejado e, posteriormente, levado ao hospital, tendo sobrevivido.

Latrocínio tentado

Na época dos fatos, ambos os indiciados e a adolescente foram capturados, bem como a arma de fogo utilizada no crime. O delegado Felipe Crivellaro explica que devido ao fato de os disparos contra os policiais servirem para assegurar a execução do roubo, o crime praticado foi o de tentativa de latrocínio, o qual somente não se consumou porque felizmente nenhum policial foi morto ou ferido no confronto.

Outros casos

Ainda de acordo com as investigações realizadas pela DRR foi constatado que os dois indivíduos também são responsáveis por roubos de entregadores/motoboys na cidade, sendo que um deles, na data da troca de tiros com a polícia, estava com mandado de prisão preventiva oriundo da DRR, o qual foi dado cumprimento.

Pena

Segundo o delegado Felipe Crivellaro, além de indiciados pelo crime de latrocínio tentado, os dois homens também responderão pelo crime de corrupção de menores. O delegado responsável pelo caso assevera que se condenados pelos crimes pelos quais foram indiciados, os dois suspeitos podem pegar uma pena de até 24 anos de reclusão.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.