TOCANTINÓPOLIS:
Facebook Youtube Twitter
Siga-nos:

Trecho do Rio Caiapó Sob Acordo de Suspensão de Pesca Recebe Visita Técnica

Data do post: 02/08/2019 14:58:48 - Visualizações: (585) Imprimir

Naturatins-TO Nesta sexta-feira, 2, a Supervisão da Área de Proteção Ambiental (APA Ilha do Bananal/Cantão) apresentou o relatório da visita de campo realizada no trecho do rio Caiapó submetido à suspensão da pesca, por um período de 3 anos, em Araguacema. Em companhia de profissionais da Associação de Pescadores de Araguacema, os técnicos do Naturatins que atuam na APA Ilha do Bananal observaram o funcionamento do Acordo e sua fiscalização, além de ouvir as demandas dos associados.

A supervisora da APA Ilha do Bananal/Cantão, Aline Vilarinho e o servidor da APA, Arildo Nascimento, foram recebidos no último dia, 26, pelo representante da Associação de Pescadores de Araguacema, o senhor Alonso Martins. Juntos percorreram o trecho do Rio Caiapó sob suspensão da pesca.

Aline Vilarinho esclarece que o Acordo de Pesca em Araguacema é uma proposta de gestão comunitária e sustentável dos recursos pesqueiros, que visa garantir a população das espécies locais, bem como a sobrevivência de famílias de pescadores que tem nesta atividade o único meio de adquirir renda. Ainda segundo a supervisora o objetivo principal é construir estratégias e alternativas para solucionar a escassez do pescado na região que compreende as colônias de pescadores artesanais de Araguacema.

O senhor Alonso Martins relatou para a equipe que o Acordo feito no município de Araguacema tem alcançado resultado positivo, com a melhora da presença de peixes. Martins conta que apesar da vigilância, ainda ocorre flagrantes de pesca com rede, o que tem levado o pescador a solicitar maior frequência de fiscalização do Naturatins na Área do Acordo, para coibir a pesca predatória.

Além do monitoramento, o pescador disse que é realizada a avaliação com a contagem da espécie pirarucu (Arapaima gigas), que no último levantamento  apontou o aumento da quantidade de peixes.

Acordo

A Portaria/Naturatins nº 124/2017, dispõe sobre a suspensão de pesca, em todas as modalidades, durante o período de 3 anos, no trecho do Rio Caiapó, entre a sua foz no Rio Araguaia e a ponte da Rodovia TO-442.

Excetua dessa suspensão a pesca artesanal compreendida como de subsistência, praticada por pescadores ribeirinhos, nos moldes do art. 4º, IV da Lei Complementar Estadual nº 13/1997.

Esse texto não substitui o conteúdo da publicação oficial da Portaria/Naturatins nº 124/2017, disponível no link para maiores informações.

Fonte: Naturatins-TO

ATENÇÃO!
Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.