Justiça Eleitoral Encontra Doações de Pessoas Mortas Para Candidatos

Data do post: 06/09/2016 12:12:26 - Visualizações: (2517)    Imprimir

A Justiça Eleitoral encontrou os primeiros de indícios irregularidades na prestação de contas de candidatos às eleições de outubro.

Imagens da internetDe acordo com levantamento feito em parceira com o Tribunal de Contas da União (TCU), foram identificados 38,9 mil doadores suspeitos, 1,4 mil despesas com indícios de irregularidades e 34% de irregularidades do total de contas analisadas. No caso de doações suspeitas, foram encontradas doações de pessoas mortas.

De acordo com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, as irregularidades podem resultar na impugnação das candidaturas pelo Ministério Público Eleitoral (MPE). “Nós temos que acompanhar isso com rigor. Já tivemos no passado mortos que votavam. Agora, temos mortos que doam”, disse Mendes.

Os dados fazem parte da primeira lista de indícios de irregularidades encontradas na prestação de contas dos candidatos às eleições de outubro. Neste ano, passou a vigorar nova regra, instituída pela Reforma Eleitoral aprovada no ano passado, na qual os partidos e candidatos são obrigados a enviar à Justiça Eleitoral dados sobre arrecadação e despesas de campanha a cada 72 horas. Com a nova lei, as doações de empresas foram proibidas e foram permitidas somente doações por pessoas físicas, limitadas a 10% do rendimento do ano anterior.

Antes da vigência da nova regra, os dados eram enviados somente três vezes durante a campanha, com duas prestações parciais e prestação de contas finais. Para analisar os dados, o TSE firmou um convênio com o TCU, que vai apresentar relatórios semanais ao tribunal.

De acordo com Aroldo Cedraz, presidente do TCU, os dados representam 34% de irregularidades do total de contas analisadas.  “Há indícios claros de várias irregularidades. Para vocês terem uma ideia são 34% de irregularidades que nós estamos verificando, no primeiro momento, em relação aos doadores. Em relação aos fornecedores, 2% de irregularidades. Mas, claro, isso nós iremos passar às mãos do presidente do TSE, que poderá encaminhar esses dados aos juízes eleitorais dos municípios para que possam checar melhor esses dados”, disse.

Foram analisadas 114,5 mil doadores e 60,9 mil fornecedores.

Fonte: (André Richter – Agência Brasil)

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Prefeito de Tocantinópolis, Paulo Gomes Participa da 18ª Formatura do Proerd

Foto da notícia

Data: 16/12/2017 17:47:08 - Visualizações: 608

Notícias Relacionadas

15/12/2017
Vacinas Agora Podem Ser Dadas em Farmácias de Todo o Brasil

15/12/2017
Prefeituras Atrasam Pagamentos e Pedem Aprovação da Reforma da Previdência

06/12/2017
Envergonhado com a Política, Tiririca faz seu 1º e Ultimo Discurso na Tribuna da Câmara e Anuncia que Deixará a Política

27/11/2017
PRF Emite Nota de Pesar Pelo Falecimento de Agente em Serviço

24/11/2017
Kátia Abreu Fala Sobre Sua Expulsão do PMDB

23/11/2017
Conselho de Ética do PMDB Expulsa Senadora Kátia Abreu da Sigla

Todas as Notícias