Faça seu login Cadastre-se

Olá Visitante.

Pesquise notícias

Publicidade

Gestão Que Fecha Biblioteca, Despreza Importância do Conhecimento

Data do post: 11/02/2017 19:59:59 - Visualizações: 2079                                                                                                         Imprimir

A Biblioteca Municipal de Tocantinópolis funcionava há muitos anos no espaço do antigo Mercado Municipal, mas no início deste ano, a atual gestão resolveu dar o golpe de misericórdia na já maltratada biblioteca.

Foto: Giano GuimarãesEstão prejudicando um patrimônio cultural que deveria ser tratado com a devida importância e não com o descaso que vem acontecendo desde o início do mandato do ex-prefeito Fabion, em 2008. Com certeza existem alternativas ao fechamento deste espaço.

A ASCOM da prefeitura municipal informou: “Que a biblioteca se encontra, neste momento, fechada, devido à mudança da Secretaria Municipal de Assistência Social, para o prédio onde funcionava o ambiente de pesquisa e estudo”. A prefeitura também informou: "que na primeira semana de nossa gestão procuramos a Universidade Federal do Tocantins (UFT), em busca de uma negociação/parceira informal com a diretora do Campus, Srª. Francisca Rodrigues Lopes. Na oportunidade, indagamos sobre a possibilidade de receber o acervo da Biblioteca Municipal, com a condição de cedermos servidores municipais para ajudar na manutenção da mesma”.

Como se já não fosse uma péssima ideia fechar a biblioteca, queriam ainda, colocar o acervo municipal onde já funciona uma biblioteca. A biblioteca do município tem outras características, demandas, atuação e papel distinto na seara da cultura da cidade. A biblioteca do município merece um espaço próprio e adequado que preserve sua identidade, que além de fornecer acervo variado, esteja principalmente especializada na literatura que envolve a cidade e a região, além de se possível agregar outros materiais historiográficos que também possam contar a história deste lugar.

Mesmo que seja um fechamento provisório, é importante perceber que não é adequado o tratamento dado ao espaço da biblioteca que está vinculado a cultura e a educação,  áreas que quase sempre são preteridas. Também é necessário ressaltar que objetivo do fechamento não foi a melhoria da biblioteca, mas atender demandas de outras secretarias. Claro que a secretaria que ocupou o espaço é de extrema importância, e precisa ser atendida. Mas descartar, mesmo que provisoriamente a biblioteca, sem perspectivas de quando e onde acomodará o acervo, e sem ao menos dar esclarecimentos a população é muito negativo.

É importante lembrar que em 2008, havia um prédio pronto para abrigar o acervo da biblioteca, feito exatamente com esse propósito e de forma apropriada para servir como espaço de leitura, estudo, pesquisa e conservação do acervo. O prédio, que à época seria a biblioteca, fica ao lado do banco do Brasil, onde já funcionou a agência do banco Itaú. No entanto, um dos primeiros atos da gestão anterior foi levar o prédio a leilão, acabando com a ideia de se ter uma biblioteca de qualidade no município.

Nesta época, o acervo foi então colocado numa sala pequena no mercado municipal, sem nenhuma condição de oferecer ao público um ambiente parecido com uma biblioteca de verdade, além de ser inadequado para a conservação dos livros.

Como se não fosse ruim ter uma biblioteca em condições ruins, as coisas ainda podem piorar, como agora está acontecendo. A Prefeitura do município resolve fechar a biblioteca e manter o acervo guardado, sabe-se lá como.

Não esqueçamos também, do antigo mercado municipal, que poderia estar servindo ao seu verdadeiro propósito inicial, de quando foi concluída sua reforma, que era o de se transformar num centro cultural. Hoje serve de quebra-galho para acomodar secretarias e outras demandas. É incrível a falta de planejamento e organização dos governos que entram e saem. Em oito anos, a antiga gestão, com o montante de recursos que entrou no município não foi capaz de resolver o problema de um espaço específico para o funcionamento de determinadas secretarias e outros órgãos do município, que passaram todos esses anos desperdiçando dinheiro público com alugueis.

Esta semana, entramos em contato com o vereador Lamarck para que ele fizesse um requerimento para que fossem tomadas providências sobre a situação da biblioteca. O vereador apresentou o pedido na câmara. Segundo Lamarck, o vereador Wilson Lima, Líder da situação na câmara, informou “que deve ser reformado o prédio da antiga colônia de pescadores para servir como biblioteca, e que tudo seria feito num prazo máximo de 60 dias”.

Talvez o prédio da antiga colonia de pescadores seja muito pequeno, a não ser que façam uma ampliação. De qualquer forma, é um sinal de que a biblioteca não morrerá. Mas é bom lembrar, que apenas arranjar um lugar para colocar os livros e não realizar um trabalho serio de preservação, informatização, catalogação e ampliação do acervo, fomento a leitura, parcerias com escolas para uso do espaço e a assessoria de um bibliotecário, sem isso, tal espaço não passará de um depósito de livros.

Há algum tempo, venho batendo na tecla, de que a cultura em nossa cidade é absolutamente desprestigiada e tratada com desprezo. Ano passado escrevi um texto falando sobre isto, inclusive fiz sugestões para contribuir a questão. Sugestões essas que ainda estão valendo.

Além de várias outras sugestões que podemos oferecer, fica esta, que já havia feito: Que a prefeitura transforme o antigo mercado no Centro Cultural que deve ser, pois para esta finalidade foi reformado, e a cidade merece um lugar desta natureza, diante de sua importância cultural, histórica e regional. E que também construa de fato, ou adapte um prédio apropriado para o estabelecimento da Biblioteca Municipal de nossa cidade. A cultura, o povo de Tocantinópolis e os turistas certamente serão prestigiados e o município ganhará muito com isso.

Fonte: Giano Guimarães

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Comentários (0)

você precisa estar logado para comentar Logar 

Esta notícia não tem nenhum comentário, seja o primeiro!

Endereço

Avenida Nossa Senhora de Fátima - 1595, Centro

Contato

(63) 3471-1970, (63) 8119-0520 (Tim), (63) 8441-0195 (oi), (63) 9957-1100 (Vivo) e (63) 9276-6362 (Claro)

Siga-nos

2014 - TocNoticias - Portal de Notícias - Todos direitos reservados...

Administrado por: Roberlan Cokim