Em Luzinópolis, Aprovados no Concurso de 2016 Aguardam Convocação em Meio a Contratações em Massa no Município

Data do post: 22/03/2017 20:05:44 - Visualizações: (1800)    Imprimir

A reclamação oriunda dos aprovados é de que a atual gestão, apesar de ter homologado o concurso na data de 27 de Janeiro de 2017, até agora não convocou ninguém, mais segue contratando familiares do prefeito indiscriminadamente.

Imagem do Site www.tocnoticias.com.brA luta dos concurseiros que buscam uma vaga no serviço público não é mais só estudar e passar nos certames, a briga maior é para ser convocado caso consigam lograr êxito.

Na região do bico do papagaio, o que se tem visto são gestores ignorando a legitimidade dos concursos no intuito de "agasalhar" os seus correligionários através de contratos, porém, a pressão do Ministério Público em alguns casos não tem dado muito espaço para aqueles "mal intencionados" que hoje experimentam o gostinho passageiro do poder. Em Tocantinópolis o Prefeito Paulo Gomes já chamou alguns aprovados no concurso local, porém, muitos outros ainda aguardam a convocação, mais pelo menos no caso desse gestor, não se viu má vontade como aconteceu em outros municípios da região, no qual tinha outros que queriam anular o certame.

Depois da prefeita de Nazaré Maria Elvira colocar o pé na parede aguardando "segundo ela", os pareceres do próprio MP e TCE para poder voltar atrás e acatar a recomendação dos promotores que pressionados por uma comissão de concursados, estavam agindo dentro da lei para que estes fossem convocados imediatamente.

Agora chegou a vez de Luzinópolis, cidade no qual a família que estava e continua no poder, conseguiu reeleger seu representante, e que agora, estão caindo na falácia do povo por causa das contratações de muitos dos familiares do atual prefeito que infelizmente segue sem obedecer a lei, ou seja, sem convocar os aprovados no concurso que ele mesmo homologou, e que havia sido proposto por seu tio, o ex-prefeito Ari Almeida.

Foto Reprodução LexconsultoriaAs reclamações de que houve "jogo sujo", na aprovação de algumas pessoas não param de circular nas rodas de conversas no município.

Segundo um dos aprovados no concurso, as provas de que houve pessoas beneficiadas estão explicitas e escancaradas no próprio site da empresa que foi contratada para organizar o concurso a Lex Consultoria. "A esposa de um vereador do município, alcançou a nota 23 no resultado preliminar para o cargo de Assistente Administrativo, depois do vereador esbravejar com a família Almeida que detém o poder na cidade, a senhora Simone Valéria Souza Santos apareceu APROVADA no resultado Definitivo publicado no site da Lex Consultaria. A sortuda passou da pontuação 23 para 29 da noite pro dia". Denunciou um aprovado.

Ainda de acordo a delação deste mesmo concursado, dois outros classificados que foram ultrapassados pela esposa do vereador nos pontos não gostaram e estavam prontos para acionar a justiça caso a mulher fosse convocada, porém, a mesma Simone havia se classificado em 6º para o cargo de Assistente Administrativo no Concurso do Quadro Geral do Estado do Tocantins e ela foi convocada, deixando o caminho livre para os demais.

Imagem do Site www.tocnoticias.com.brAs provas deste certame aconteceram no dia 30 de Outubro de 2016, e a homologação do resultado oficial do concurso foi assinada pelo prefeito Gustavo na data de 27 de Janeiro deste ano, e 54 dias depois nenhum aprovado foi convocado para apresentar a documentação necessária para tomar posse.

Nossa equipe entrou em contato com o prefeito Gustavo por telefone informando o teor da denuncia dos concursados e um advogado da prefeitura retornou a ligação do celular do próprio gestor nos informando que já haviam emitido decretos exonerando todos os contratados e outro convocando os concursados, pedimos cópias dos decretos mais até o fechamento desta reportagem não nos foi enviado.

A oposição reclama que durante esses quase três meses de mandato o prefeito eleito Gustavo Damaceno de Araújo é pouco visto na prefeitura, já que quem manda de fato é o seu pai, o ex-vereador Antonio Alves de Araújo, conhecido popularmente como "Antonio Novato", que já foi candidato a prefeito na disputa de 2012, mais teve sua candidatura indeferida por problemas com prestação de contas quando era presidente da casa de leis local, e só não foi candidato a prefeito na disputa de 2016 porque o ex-prefeito é seu cunhado e assim a lei eleitoral não permitia, então, Novato colocou o seu filho para disputar o cargo de prefeito, no qual Gustavo ganhou com larga vantagem do seu concorrente.

Foto divulgaçãoCidade dos Prefeitos Laranjas

Luzinópolis vive uma triste situação de ter "Prefeitos Laranjas" desde o ano de 2001, quando o senhor Leontino Pereira Labre que conseguiu 649 votos, venceu a disputa da eleição do ano de 2000 de José Vicente Barbosa que na ocasião obteve 616. Leontino Labre tomou posse mais toda a população conta que quem mandava eram os filhos, e assim os rumos políticos da cidade se mantiveram até a eleição de 2004, quando o senhor José Vicente novamente se candidatou e venceu a disputa com Luzmar Tomaz Franco com uma vantagem de 257 votos, porém, novamente os munícipes assistiram a um novo mandato com prefeito "Laranja" já que quem mandava era o seu filho José Vicente Filho.

Imagem da InternetLá se foram 08 anos de prefeitos de faz de conta, e a população com sede de mudança, teve a oportunidade de fazer diferente, subiram nos palanques pelo cargo de prefeito, novamente o Laranja Zé Vicente, e o sedento de poder Luzmar Franco, que havia sido derrotado na eleição anterior para o Zé Vicente e para facilitar as coisas para o gestor da época, Luzmar teve a candidatura indeferida por não ter votado na eleição presidencial, sendo que a esposa de Franco assumiu a candidatura vencendo a disputa com 1051 votos contra 791 do atual gestor da época.

Com a vitória de Carla, a saga continuou, pois quem mandava, desmandava e depois mandava novamente era o fanfarrão do Luzmar, que vacilou e não viu o mandato passar correndo, deixando como legado de sua gestão apenas uma creche por fazer que depois de 08 anos ainda continua do mesmo jeito.

Foto Divulgação WhatsappEm 2012 Luzmar com sua Laranja "Carla", tentou a reeleição assim como Zé Vicente havia tentado depois de uma também gestão desastrosa. O resultado da disputa foi uma nova derrota para Luzmar que conseguiu apenas 834 votos contra 1.052 de José de Arimatéia Coelho Damaceno, o Ari, que assim como os demais prefeitos eleitos anteriormente, também entregou o cargo para o seu irmão comandar usando o seu nome.

O mais interessante nessa história toda é que os ex-prefeitos Luzmar, através de Carla, e Zézé Vicente através de Zé Vicente estão no mesmo grupo do atual prefeito, quem será que vai querer disputar a laranjada em 2020?

Fonte: Redação do Tocnoticias

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Em Entrevista, Prefeito de Tocantinópolis Fala dos Seus Primeiros 11 Meses Como Gestor e Rebate Críticas

Foto da notícia

Data: 20/11/2017 05:11:38 - Visualizações: 1884

Notícias Relacionadas

16/11/2017
Acusados de Assassinar Jovem a Facadas em Luzinópolis no Ano de 2015 Vão a Júri Popular

13/11/2017
Mercadoria Irregular é Apreendida Pela Polícia Militar Durante Operação em Luzinópolis

18/08/2017
Em Luzinópolis, Homem que Cultivava e Comercializava Maconha no Quintal de Casa Acaba Preso por Tráfico de Drogas

15/07/2017
Em Luzinópolis, Adolescente é Preso Por Tentativo de Homicídio e Dano

11/05/2017
Pacotão de Obras Marca o Início do Mandato de Gustavo Novato em Luzinópolis

30/03/2017
Em Luzinópolis, Polícia Militar Recupera Veículo Roubado e Prendeu Uma Pessoa Por Receptação

Todas as Notícias