Faça seu login Cadastre-se

Olá Visitante.

Pesquise notícias

Publicidade

Defensoria Pública é Homenageada em Sessão Solene na Assembleia Legislativa

Data do post: 16/05/2017 17:09:36 - Visualizações: 117                                                                                                         Imprimir

Em comemoração ao Dia Nacional da Defensoria Pública, celebrado em 19 de maio, foi realizada nesta terça-feira, 16, sessão solene no plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins. Na ocasião, Servidores e Membros da DPE-TO – Defensoria Pública do Estado do Tocantins compareceram à solenidade, onde foram homenageados pelos parlamentares, que parabenizaram o relevante trabalho da Instituição para garantir o acesso à Justiça aos hipossuficientes.

Defensoria Pública-TOA abertura da sessão solene contou com apresentação do Coral Canto Nobre, que interpretou o Hino Nacional e a música “Brincar de Viver” (Maria Bethânia). O defensor público-geral, Murilo da Costa Machado, compôs Mesa de Honra ao lado do deputado Jorge Frederico (PSC), que presidiu a sessão e foi o autor do requerimento da sessão solene em homenagem à DPE-TO.

Em discurso, o Defensor Público-Geral externou gratidão pela homenagem, fez um resgate histórico sobre a Instituição no Tocantins e apresentou um breve panorama sobre a atuação da Defensoria no Estado. “Somos hoje 112 Defensores Públicos e cerca de 700 Servidores espalhados por todas as comarcas deste Estado, de Norte a Sul, de Leste a Oeste, numa onda verde que leva acesso à Justiça e cidadania para a população carente do Estado. Ser Defensoria Pública é não ter a instituição como meio de vida, mas como razão de viver. Nós não temos como meta produzir Justiça com processos, com papeis, com burocracia, mas atingir a Justiça com a nossa militância diária”, destacou Murilo Machado.

O presidente do Sisdep – Sindicato dos Servidores da Defensoria Pública do Estado do Tocantins, Renan de Oliveira Freitas, lembrou o significado da data em homenagem à Defensoria e destacou o crescimento da Instituição ao longo dos anos, apesar da situação atual de crise política e orçamentária no País e, consequentemente, no Estado. “Apesar do arrocho orçamentário que temos vivido nos últimos anos, natural ante o momento de crise do País, não fugimos à luta e estamos ainda mais unidos, tentando aprimorar os processo internos, visando à economia dos já parcos recursos financeiros. Mesmo assim, nos últimos meses, aumentamos em 9% o número de atividades desenvolvidas e estamos atuantes em todas as comarcas do Tocantins”, declarou.

Deputados

Uma iniciativa de Jorge Frederico (PSC), a sessão contou ainda com a presença dos deputados estaduais Valderez Castelo Branco (PP), Paulo Mourão (PT), Elenil da Penha (PMDB), Solange Duailibe (PR), Ivory de Lira (PPL), Valdemar Júnior (PMDB) e Wanderlei Barbosa (SD). Assuntos como desenvolvimento e fortalecimento da Instituição como uma das melhores Defensorias do País, a importância da assistência jurídica integral e gratuita, o diálogo com a universalização dos direitos fundamentais, orçamento da Defensoria Pública do Tocantins e a possível implantação da Escola Superior da Defensoria Pública do Tocantins foram pauta nos discursos em homenagem à Instituição.

O deputado Paulo Mourão falou sobre orçamento e considerou que a Defensoria Pública presta um dos papéis mais importantes na composição do extrato social justamente em defesa da pobreza. “Eu creio que hoje nós vamos abrir um novo momento que é com a instalação da comissão do novo ordenamento administrativo sócio econômico e político do Tocantins. Nós precisamos compreender melhor a composição do Estado. Nós precisamos representar melhor justamente quem precisa de maior representação, cuidado e proteção, que são os que vivem no esforço das desigualdades sociais e regionais desse País. A cidadania precisa cuidar mais da cidadania. E cuidar significa ter um olhar diferenciado para a Defensoria Pública”, disse.

O deputado Jorge Frederico (PSC) ressaltou que buscar e defender a justiça do cidadão, principalmente do mais carente, é uma das mais belas missões da sociedade. “E isso a Defensoria Pública tem feito, principalmente a nossa Defensoria Pública do Tocantins, garantindo dignidade ao cidadão. Está em tramitação nessa Casa o Projeto de Lei que cria a Escola Superior da Defensoria Pública e eu não tenho dúvida alguma que esse parlamento, como grande parceiro da Defensoria e do povo tocantinense, vai aprovar esse projeto que vai ser um presente para a sociedade tocantinense.”

Além dos deputados estaduais, a sessão contou ainda com a presença do coronel Jaizon Veras (Polícia Militar do Tocantins), Severiano Costandrade (vice-presidente do Tribunal de Contas do Tocantins) e Sérgio do Vale (procurador-geral do Tocantins).

Defensoria Pública-TOFotografia

No hall da Assembleia Legislativa foi aberta a mostra “Caminhos da Cidadania”, com 28 imagens que foram captadas pelas lentes da repórter fotográfica Loise Maria durante as edições do projeto “Expedição Cidadã”, realizado em 2016 com o apoio da Assembleia. As fotografias retratam os atendimentos itinerantes da Defensoria Pública em localidades distantes e de difícil acesso.

Atuação

No Tocantins, a Defensoria Pública atua desde 1989, tendo o início de sua autonomia com a Lei Complementar nº 41, de 22 de dezembro de 2004, a qual foi revogada pela Lei Complementar nº 55, de 29 de maio de 2009, que consolidou essa autonomia e atualmente é a norma disciplinadora da organização da Defensoria Pública do Estado do Tocantins. A Lei Nº 10.448, de 9 de maio de 2002 (publicada no D.O.U. de 10.5.2002), instituiu o Dia Nacional da Defensoria Pública, a ser comemorado, anualmente, em 19 de maio, data também dedicada a Santo Ivo, advogado francês cuja vida posta a serviço da Igreja e da Justiça foi reconhecida por todos, tornando-se o padroeiro dos advogados.

A instituição conta atualmente com 112 defensores públicos e está presente em 42 municípios do Tocantins, organizados em nove Núcleos Regionais, localizados nas cidades de Araguaína, Araguatins, Dianópolis, Guaraí, Gurupi, Palmas, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Tocantinópolis e um Núcleo de Representação em Brasília. Seu papel é essencial à democratização da Justiça e à própria função jurisdicional do Estado, sendo também um direito e garantia fundamental ao exercício pleno da cidadania. Somente com a presença da Defensoria Pública é possível proporcionar acesso à Justiça a todos.

Fonte: Defensoria Pública-TO

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Comentários (0)

você precisa estar logado para comentar Logar 

Esta notícia não tem nenhum comentário, seja o primeiro!

PUBLICIDADE

Destaque

Reunião no MP Definiu Regras Ambientais na Temporada de Praia em Tocantinópolis e Região

Foto da notícia

Data: 24/06/2017 09:14:40 - Visualizações: 3370

A reunião que tratou de assuntos inerentes a temporada de Praias 2017 aconteceu na ultima Quarta Feira (21), no Plenário Natalino Resplandes de Araújo no prédio das promotorias de...

Endereço

Avenida Nossa Senhora de Fátima - 1595, Centro

Contato

(63) 3471-1970, (63) 8119-0520 (Tim), (63) 8441-0195 (oi), (63) 9957-1100 (Vivo) e (63) 9276-6362 (Claro)

Siga-nos

2014 - TocNoticias - Portal de Notícias - Todos direitos reservados...

Administrado por: Roberlan Cokim