Justiça Condena Homem Por Difamar Ex-namorada em Grupos de WhatsApp

Data do post: 06/12/2017 19:07:42 - Visualizações: (581)    Imprimir

Na cidade de Araguaçu, região sul do Estado, M.V.T.A.L. foi condenado a indenizar a ex-namorada F.C.T.S. por difamação, calúnia e injúria em grupos de WhatsApp.

Tribunal de Justiça-TODe acordo com a decisão, no WhatsApp da mesma e em diversos grupos, o réu caluniou, difamou e injuriou a vítima através de mensagens de texto, ofendendo-lhe a dignidade.

Em uma das mensagens, M.V.T.A.L. acusou indevidamente a vítima de praticar crimes e em outra postagem, injuriou a ex-namorada com palavras de baixo calão. O réu também é acusado de diversas ameaças à ex-namorada, sua filha e sua mãe.

Por ser réu primário e possuir bons antecedentes, o juiz Nelson Rodrigues da Silva condenou M.V.T.A.L. a um total de um ano e nove meses de detenção e ao pagamento de 555 dias-multa, no valor unitário de 1/30 de salário mínimo pelos crimes praticados. As penas de detenção foram convertidas em prestação de serviços comunitários, mas o réu foi condenado a pagar R$ 10 mil à vítima a título de indenização por dano moral.

Fonte: Tribunal de Justiça-TO

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Prefeito Paulo Gomes Está em Brasília em Busca de Recursos Para Tocantinópolis

Foto da notícia

Data: 22/02/2018 23:10:17 - Visualizações: 77

Notícias Relacionadas

22/02/2018
Mulheres em Campo Acontece no Município de Ponte Alta do Bom Jesus

22/02/2018
Ex-chefe de Residência Rodoviária do Dertins e Uma Empresa São Alvo de Ação do MPE Pela Prática de Improbidade Administrativa

22/02/2018
Ação Conjunta da Polícia Civil do Tocantins e da PM do Distrito Federal Resulta na Prisão de Suspeito de Estupro de Vulnerável

22/02/2018
MPE Ajuíza Ação Para Regularizar Transporte Escolar no Município de Centenário

22/02/2018
'O Campo na Classe Média no Tocantins' no Município de Couto Magalhães

22/02/2018
Corregedoria Geral da Justiça Regulamenta Atuação dos Agentes de Proteção da Infância e Juventude no Tocantins

Todas as Notícias