Em Menos de 12 Horas Polícia Civil Desvenda Homicídio e Prende Autores do Crime no Interior do Estado

Data do post: 02/01/2018 16:46:38 - Visualizações: (551)    Imprimir

Foram presos Edvanio Pereira dos Santos, Edson Pereira, vulgo “Manchina” e Jussivano Almeida da Silva, vulgo “Hominho”, ambos acusados de assassinar a facadas o adolescente Adriano Vicente da Silva, de 16 anos, com aproximadamente 12 golpes dados nas costas em uma festa de som automotivo.

Foto: SSP/TOUma ação integrada de combate à criminalidade realizada por policiais civis da Delegacia de Taguatinga e da 8ª Delegacia Regional de Dianópolis, na manhã deste domingo, 31, sob o comando do delegado Giordano Bruno Curado Camargo resultou na prisão de Edvanio Pereira dos Santos, 21 anos, Edson Pereira, vulgo “Manchina”, 39 anos e Jussivano Almeida da Silva, vulgo “Hominho”, de 26 anos.

Os três são os principais suspeitos de ter matado o adolescente Adriano Vicente da Silva, de 16 anos, com aproximadamente 12 facadas pelas costas em uma festa de som automotivo, que acontecia em um Balneário da cidade de Ponte Alta do Bom Jesus, na noite do último sábado, 30.

Conforme o delegado Giordano Bruno, por meio das investigações realizadas pela Polícia Civil, testemunhas indicaram que os suspeitos passaram a ameaçar de morte a vítima e outro jovem, depois que estes prestaram depoimento à Polícia Judiciária de Taguatinga na apuração referente a outro crime, o desaparecimento do também adolescente Bruno Henrique, fato ocorrido no dia 25/09/2017.

Diante disso, Manchinha e Hominho, que possuem diversas passagens pelo sistema prisional e são bastante temidos na região de Ponte Alta, supostamente pretendiam eliminar Adriano para assegurar a impunidade de outros crimes perpetrados.

Apesar dos suspeitos não terem confessado a autoria do crime, há fortes indícios para manutenção da prisão, uma vez que houve muita contradição nos interrogatórios, aliado a isso, testemunhas disseram que Adriano foi vítima de uma emboscada, tendo em vista que o mesmo foi visto na companhia dos suspeitos minutos antes de ser assassinado.

Com informações contundentes, na manhã do dia seguinte, os investigadores encontraram o boné que a vítima utilizava durante a madrugada na ocasião em que foi morto, em posse de um dos suspeitos.

Diante dos fatos, os três indivíduos foram presos e conduzidos até a Central de Flagrantes de Dianópolis, onde foram interrogados e autuados em flagrante por homicídio triplamente qualificado. Após os procedimentos legais cabíveis, Edson, Jussivano e Edivanio forma recolhidos à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Dianópolis, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

A ação também contou com apoio de policiais militares de Ponte alta do Bom Jesus.

Fonte: Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Dono do Bar Gela Güela de Aguiarnópolis é Morto a Facadas

Foto da notícia

Data: 16/01/2018 15:20:05 - Visualizações: 7107

Notícias Relacionadas

16/01/2018
Presidente da Fieto Participa de Lançamento do REFIS em Palmas

15/01/2018
Justiça do TO Aplica Multa Pessoal ao Secretário Estadual da Saúde por Descaso com Hospital de Araguaçu

14/01/2018
Ex-prefeito de Dianópolis Diz que a Política de Marcelo Miranda é Contratar Cabos Eleitorais Pagos Pelo Governo

13/01/2018
Em visita a Colinas, Dimas é Recebido Pelo Prefeito da Cidade e Vereadores

13/01/2018
Polícia Civil Prende Homem Suspeito de Furtar Energia Elétrica em Palmas

13/01/2018
Tocantins só Mudará Quando Acabar a Bagunça que Domina o Palácio Araguaia, diz Amastha

Todas as Notícias