Aposentada de Tocantinópolis Receberá Indenização do Banco Itaú BMG por Empréstimo Não Autorizado

Data do post: 20/01/2018 01:27:52 - Visualizações: (2369)    Imprimir

A aposentada Domingas Cardoso da Cruz, que mora na zona rural de Tocantinópolis, teve descontado da sua aposentadoria, parcelas de um empréstimo consignado no valor de R$ 739,91 (setecentos e trinta e nove reais e noventa e um centavos).

Imagem do Site www.tocnoticias.com.brO problema é que ela não solicitou tal empréstimo e o banco, mesmo assim, realizou a cobrança das prestações referentes ao período de setembro de 2012 a março de 2015.

De acordo com o entendimento do juiz Arióstenis Guimarães Vieira, da Comarca de Tocantinópolis, o procedimento adotado pelo banco configurou prática abusiva, prevista no Código de Defesa do Consumidor, como segue no Art. 39:

“É vedado ao fornecedor de produtos ou serviços, dentre outras práticas abusivas: IV – prevalecer-se da fraqueza ou ignorância do consumidor, tendo em vista sua idade, saúde, conhecimento ou condição social, para impingir-lhe seus produtos ou serviços."

A autora da ação é idosa e aposentada pelo INSS. Para o magistrado, “demonstrados o prejuízo e o nexo de causalidade não restam duvidas que o banco requerido deva ser responsabilizado pela prática abusiva, tanto nos danos materiais quanto nos danos morais”.

Na sentença o juiz declarou a nulidade do contrato e condenou o Banco BMG a restituir à autora o valor de R$1.432,20, o dobro do valor indevidamente descontado. O banco ainda terá que pagar à aposentada a quantia de R$ 8.000,00, com correção de 1% da data do ocorrido, como forma de reparação pelos danos morais que foram causados.

Confira aqui a sentença.

Fonte: Abelson Ribeiro – Ascom / TJTO

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Em Tocantinópolis, Construção de Casas Populares no Povoado Ribeirão Grande Estão em Fase de Conclusão

Foto da notícia

Data: 18/07/2018 01:38:52 - Visualizações: 775

Notícias Relacionadas

18/07/2018
Estado Deverá Indenizar Mecânico de Tocantinópolis que Perdeu a Visão do Olho Direito Durante Acidente de Trabalho

18/07/2018
Em Tocantinópolis, Construção de Casas Populares no Povoado Ribeirão Grande Estão em Fase de Conclusão

18/07/2018
Fabion Participa de Jogo Amistoso em Axixá e Prestigia Carnaval Fora de Época em Nazaré

18/07/2018
Durante reunião em Maurilância, Fabion Recebe Apoio de Lideranças Políticas

18/07/2018
Município de Tocantinópolis Realiza 1° Fórum do Selo Unicef Nesta Quinta-feira, 19

16/07/2018
Prefeito Paulo Gomes Oficializa Abertura do Período de Veraneio da Praia da Santa

Todas as Notícias