Tribunal Superior Eeleitoral Endurece Combate às Fake News

Data do post: 01/02/2018 20:31:41 - Visualizações: (2972)    Imprimir

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) se reuniu nessa quarta-feira (1º) com representantes do Google, do Facebook, do Twitter e do WhatsApp. O objetivo foi encontrar meios para evitar que notícias falsas afetem as eleições deste ano.

Imagem da InternetO presidente do TSE, Gilmar Mendes, afirmou que a Corte avalia a aplicação de medidas judiciais já adotadas em casos como injúria, difamação e crimes cibernéticos.

As redes sociais apresentaram o que elas têm feito para combater as mentiras que parecem notícias. E orientaram o TSE sobre como comunicar, de forma objetiva, a existência de informações falsas para que as redes avaliem com mais rapidez o que fazer com o conteúdo questionado.

A partir dessas orientações e da jurisprudência, ou seja, as decisões já consolidadas pelo TSE, será elaborada uma cartilha de procedimentos. São instruções para mais de 3 mil juízes eleitorais em todo o país, como detalhou Gilmar Mendes.

O presidente do TSE também destacou que todos devem se manter atentos para não compartilhar mentiras. Mas, de acordo com Gilmar Mendes, por enquanto somente o autor da publicação deve ser responsabilizado pelo conteúdo.

Além das redes sociais, a reunião contou com ministros do tribunal, representantes da Polícia Federal, da Agência Brasileira de Inteligência, do Exército e do Ministério Público. A próxima reunião do Conselho Consultivo do TSE sobre fake news será no fim de fevereiro.

A expectativa é que o grupo proponha mudanças em resoluções da Justiça Eleitoral. Para serem válidas já nas eleições de outubro, essas mudanças têm de ser feitas até o mêsde março.

Fonte: Rádio Agencia Nacional EBC

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Secretário de Saúde de Tocantinópolis Vai à Câmara Prestar Contas e Apenas Seis Vereadores Comparecem

Foto da notícia

Data: 23/03/2019 08:43:20 - Visualizações: 1423

Notícias Relacionadas

19/01/2019
81% dos Estudantes Acreditam que Conseguirão Estágio em 2019

19/01/2019
VLI Divulga Resultados das Ações Sociais em 2018

01/01/2019
Jair Bolsonaro Promete Reformas e Defende Combate à Corrupção

10/12/2018
VLI é uma das Melhores Empresas do País Para Começar a Carreira

14/11/2018
Congresso Libera R$ 196,2 Mi Para Segurança Pública

11/11/2018
VLI Está Entre as Melhores Empresas do País Para se Trabalhar

Todas as Notícias