Presidente do TJTO Destaca Evolução da Justiça no Tocantins Durante Abertura do Ano Judiciário

Data do post: 02/02/2018 16:55:48 - Visualizações: (89)    Imprimir

Mais celeridade e eficácia na prestação jurisdicional. O presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins, desembargador Eurípedes Lamounier, abriu o 30º Ano Judiciário destacando os índices positivos do Judiciário tocantinense. 

Tribunal de Justiça-TODurante a solenidade, realizada na tarde desta quinta-feira (1/2), magistrados e unidades da Justiça com os melhores resultados em 2017 foram reconhecidos com o Selo Pacto pela Produtividade.

Dando início ao segundo ano de gestão, Lamounier frisou a evolução em todos os índices do Judiciário. De janeiro a dezembro do ano passado, mais de 117 mil processos de conhecimento foram julgados, superando a Meta 1 do Conselho Nacional de Justiça. E o balanço ainda é mais positivo quando se leva em consideração o número de novos processos distribuídos. A demanda aumentou em 12% no último ano, com 116.960 novas ações em 2017. "Esses dados demonstram que nossa iniciativa por meio do Pacto pela Produtividade foi bem aceita e, sobretudo, colocada em prática. É desse modo que o Judiciário tocantinense retorna o investimento feito em nós pela sociedade, permitindo a entrega de uma Justiça mais rápida e eficaz ao cidadão", afirmou.

Resultados positivos frutos do esforço conjunto de magistrados e servidores, além de melhorias em áreas como infraestrutura, tecnologia e gestão. Durante o discurso de abertura do ano judiciário, o presidente do TJTO ressaltou os investimentos na renovação e ampliação da infraestrutura física do Poder Judiciário. Ao todo, 13 Tribunal de Justiça-TOobras foram concluídas, entre reformas e ampliações de fóruns, tribunais do Júri e adequações no prédio do Tribunal de Justiça. Outras 27 obras estão em andamento ou previstas para 2018. "Este ano, entregaremos o novo fórum de Araguaína, a segunda maior comarca do nosso estado. Uma obra grande e necessária para atender melhor à população de toda aquela região", destacou o magistrado.

Lamounier também frisou as melhorias no Sistema de Processo Eletrônico (e-Proc/TJTO). Em 2017 foram implantadas mais de 60 novas funcionalidades na ferramenta para aprimoramento da prestação jurisdicional. "Investimentos e evolução constantes, que elevaram a área de Tecnologia da Informação em nove posições no ranking do Conselho Nacional de Justiça", salientou.

Na gestão de débitos processuais, destaque para a melhoria na arrecadação. "Inovamos com o alvará eletrônico, proporcionando mais segurança, eficiência e rapidez nos procedimentos para pagamentos de precatórios e requisições de pequeno valor", disse o presidente, destacando ainda os avanços na gestão dos servidores com o Sistema Integrado de Gestão de Pessoas (e-Gesp). "Foi um divisor de águas para a área no que se refere a gerir o que temos de mais valioso, e que faz o nosso judiciário avançar cada dia mais: as pessoas", disse.

Ainda durante o discurso, o presidente valorizou o trabalho desenvolvido pela Escola Superior da Magistratura Tocantinense (Esmat), que teve sua sede ampliada em 2017 para ter melhores condições de ofertar capacitação a servidores e magistrados; assim como o trabalho desempenhado pelo desembargador Helvécio Brito de Maia Neto à frente da Corregedoria Geral da Justiça, que percorreu todas as comarcas com o projeto Corregedoria Cidadã, Tribunal de Justiça-TOouvindo demandas e conhecendo de perto as demandas da primeira instância. Destaque também para as ações da Ouvidoria Judiciária, que democratizou o acesso da população ao Poder Judiciário por meio dos totens de atendimento instalados nas Comarcas e promoveu treinamento aos servidores envolvidos.

“Vejam como tudo isso demonstra claramente que o Judiciário tocantinense efetivamente formou um pacto pela produtividade e, por meio de todo esse esforço, conseguimos conquistar a categoria Ouro do Selo Justiça em Números do CNJ, um reconhecimento a excelência na produtividade, na gestão da informação e no cumprimento das normas de transparência. Sabemos que ainda precisamos avançar muito. No entanto, os resultados conquistados e o compromisso de magistrados e servidores nos dão a certeza de que vamos continuar crescendo a cada dia”, sintetizou Lamounier.

Presenças

Prestigiaram a sessão solene a vice-governadora do Tocantins, Cláudia Lelis; o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Mauro Carlesse; o procurador geral de Justiça, Clenan Renaut de Melo; o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Conselheiro Manuel Pires; o defensor público Geral, Murilo Costa Machado; o procurador-geral de Palmas, Públio Borges; o secretário geral da OAB/TO, Célio Henrique Magalhães Rocha; e o vice-presidente da Associação dos Magistrados do Tocantins, juiz Manuel Faria.

Fonte: Tribunal de Justiça-TO

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Preso da CPP de Tocantinópolis Escreve Bilhete Ameaçando Matar o Delegado Regional Tiago Daniel

Foto da notícia

Data: 24/02/2018 15:36:52 - Visualizações: 4002

Notícias Relacionadas

23/02/2018
Polícia Civil Prende Suspeito Por Crime de Violência Sexual

23/02/2018
Emenda da Mesa Diretora Propõe Destinar Recursos Diretamente aos Municípios

23/02/2018
Benefício: Justiça Converte Prisão Preventiva em Domiciliar Para mulher que tem Três Filhos Pequenos

23/02/2018
No Ministério das Cidades, Deputada Dorinha Busca Recursos Para Municípios Tocantinenses

23/02/2018
MPE Obtém Decisão Judicial que Proíbe Participação de Crianças e Adolescentes no Concurso de Miss em Paraíso

23/02/2018
Assembleia Prepara Treinamento Para Servidores no Trabalho em Equipe

Todas as Notícias