Estudantes de Palmas Aprendem Sobre Direitos Humanos com 'Defensores da Cidadania'

Data do post: 02/02/2018 18:15:44 - Visualizações: (84)    Imprimir

“Onde existir um ser humano, não importa qual credo, cor, raça ou opção sexual que ele tenha, a gente tem que respeitá-lo pelo simples fato dele ser um ser humano.” A fala da defensora pública Maurina Jácome Santana, coordenadora do Núcleo Especializado de Defesa dos Direitos Humanos (NDDH) da Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), abriu a programação do projeto “Defensores da Cidadania”, que foi realizada na quinta-feira, 1º, na Escola Estadual do Setor Sul, em Palmas.

Defensoria Pública-TOCerca de 70 alunos do 2º ano do Ensino Médio, do período matutino e vespertino, participaram da palestra e roda de conversa com a Defensora Pública e com a analista do NDDH, Liz Marina Régis. As atividades tiveram o objetivo de levar reflexão sobre regras mínimas de convivência na sociedade. “Direitos humanos para humanos direitos – será que é isso? Será que os direitos humanos são só para algumas pessoas, será que estão distante da nossa realidade? A gente está aqui para dizer que não, pois os direitos humanos estão mais próximos de vocês do que vocês imaginam”, disse a analista do NDDH.

Meio ambiente, direito à vida, preconceito, racismo, igualdade racial, pessoas presas e políticas públicas foram alguns dos assuntos tratados na roda de conversa. De acordo com a Defensora Pública, o objetivo é contribuir para a promoção dos direitos humanos, com especial ênfase para a sensibilização e Defensoria Pública-TOconscientização acerca dos direitos humanos e dos direitos e garantias fundamentais, por meio de uma aprendizagem que contribua com a formação de ouvintes protagonistas na concretização das normas e tratados internacionais de direitos humanos e, ainda, na efetivação de seus direitos fundamentais, junto à comunidade em que estão inseridos, com vistas à construção e consolidação da cidadania ativa.

O público alvo do Projeto não se limita à comunidade escolar e visa promover a educação em direitos humanos em outros espaços comunitários, tais como centros de convivências, abrigos, instituições públicas e privadas e centros de referência em assistência social, dentre outros.

Projeto

“Defensores da Cidadania” é um projeto que visa aproximar ainda mais Defensoria Pública da sociedade por meio da promoção de educação em direitos humanos e cidadania, Defensoria Pública-TOnos mais diversos espaços comunitários, tais como instituições de ensino, centros de referência em assistência social, de convivência, entre outros.

Para levar o “Defensores da Cidadania” para a escola ou espaço comunitário, entre outros locais, basta enviar email para o Núcleo, no endereço nddh@defensoria.to.gov.br, ou ainda entrar em contato pelo telefone (63) 3218-6953, para mais informações.

O Núcleo poderá, ainda, prestar apoio logístico e elaborar roteiros com a adequação da metodologia adequada a cada público alvo nas ações demandadas. Além disso, serão disponibilizados materiais educativos e assessoria para realização das palestras.

Fonte: Defensoria Pública-TO

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Preso da CPP de Tocantinópolis Escreve Bilhete Ameaçando Matar o Delegado Regional Tiago Daniel

Foto da notícia

Data: 24/02/2018 15:36:52 - Visualizações: 3871

Notícias Relacionadas

23/02/2018
Polícia Civil Prende Suspeito Por Crime de Violência Sexual

23/02/2018
Emenda da Mesa Diretora Propõe Destinar Recursos Diretamente aos Municípios

23/02/2018
Benefício: Justiça Converte Prisão Preventiva em Domiciliar Para mulher que tem Três Filhos Pequenos

23/02/2018
No Ministério das Cidades, Deputada Dorinha Busca Recursos Para Municípios Tocantinenses

23/02/2018
MPE Obtém Decisão Judicial que Proíbe Participação de Crianças e Adolescentes no Concurso de Miss em Paraíso

23/02/2018
Assembleia Prepara Treinamento Para Servidores no Trabalho em Equipe

Todas as Notícias