Prazo Para Funcionamento de UTI Pediátrica de Araguaína é Discutido em Audiência de Conciliação

Data do post: 09/03/2018 15:25:39 - Visualizações: (292)    Imprimir

Em audiência de conciliação realizada na quinta-feira, 8, no Juizado Especial da Infância e Juventude de Araguaína, o Estado do Tocantins e o município de Araguaína discutiram detalhes sobre a instalação da UTI pediátrica municipal. A previsão é que o serviço comece a funcionar no próximo mês de abril.

Ministério Público EstadualNa audiência, também foram realizados acertos sobre o custeio da UTI pediátrica, o treinamento dos profissionais da saúde que atuarão no local e a instalação de equipamentos de diagnóstico.

A audiência de conciliação ocorreu no âmbito de uma Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público Estadual (MPE), na qual é requerida a instalação deste serviço de saúde. Atualmente, Araguaína conta com UTIs neonatal e adulta, não havendo unidade pediátrica, que deve atender público com idade de 28 dias de nascido até 14 ou 18 anos, a depender das rotinas hospitalares.

Diante da falta de UTI pediátrica, quando há situações críticas, que exigem tratamento intensivo, os pacientes são transferidos para outros municípios onde haja leitos disponíveis, utilizando o serviço de transporte aéreo. Porém, a depender da situação clínica, o trânsito pode ser contraindicado e implicar em risco de morte, segundo destaca a Ação Civil Pública, proposta pela Promotora de Justiça Araína Cesárea D'Alessandro.

A UTI pediátrica está em processo de instalação dentro das dependências do Hospital Municipal de Araguaína.

Cronograma e custeio

Ainda na audiência de conciliação, ficou definido que, entre 12 e 23 de março, será realizado o treinamento dos fisioterapeutas, enfermeiros e técnicos de enfermagem; e que de 26 a 29 deste mês ocorrerá a instalação e calibragem dos equipamentos da UTI.

Sobre o custeio da UTI pediátrica, ficou definido que, nos primeiros meses, até que ocorra o credenciamento junto ao Ministério da Saúde, o serviço será custeado mensalmente por R$ 250 mil do Estado, complementado por R$ 78 mil do Fundo Municipal da Infância e Adolescência (FIA). A definição seguiu estimativa que consta em planilhas de gastos apresentadas pelos entes públicos.

Após o credenciamento, a previsão de custeio é de R$ 219 mil por parte da União e de R$ 109 mil pelo Estado, podendo haver variação nos valores até o prazo após a implementação do serviço.

O Estado do Tocantins ficará responsável também pelo pagamento de todos os profissionais médicos, valores que foram excluídos do rateio acima.

Presenças

Estiveram presentes na audiência de conciliação a Promotora de Justiça Araína Cesárea D’Alessandro; o Juiz de Direito Herisberto Furtado Caldas; o secretário estadual de Saúde, Marcos Musafir; o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas; o secretário municipal de Saúde, Jean Coutinho, além de representantes do Conselho Municipal de Saúde, do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), da Associação das Mães que Amam (AMA) e do Instituto Brasileiro de Gestão Hospitalar (IBGH), entre outras autoridades.

Histórico

A instalação da UTI pediátrica em Araguaína será resultado de uma Ação Civil Pública que foi ajuizada pelo MPE ainda em janeiro de 2014 e teve sentença favorável proferida em abril de 2015.

Além de atuar na esfera judicial, o MPE, em conjunto com a Associação das Mães que Amam (AMA) e com a Loja Maçônica Paz e Concórdia, mobilizou a sociedade araguainense a realizar doações e a destinar parte do seu Imposto de Renda ao Fundo Municipal da Infância e Adolescência (FIA), com a garantia de que os recursos serão aplicados na UTI pediátrica.

Fonte: Ministério Público Estadual

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

"Por Mais Violenta Que Seja Nós Vamos Tomar Providências". Diz Bonifácio Sobre a Paralisação das Obras de Pavimentação da TO-126

Foto da notícia

Data: 10/12/2018 18:38:08 - Visualizações: 1067

Notícias Relacionadas

10/12/2018
Acusados de Roubar e Incendiar Bar São Condenados

10/12/2018
Adapec Celebra 20 Anos de História

10/12/2018
Polícia Militar Prende Homens Por Roubo e Recupera Moto Roubada

10/12/2018
Detentos São Condenados Por Tentativa de Homicídio na Casa de Prisão Provisória de Paraíso

10/12/2018
Adapec Promove Curso de Emergência Sanitária em Suínos

10/12/2018
Polícia Militar Prende Homem Por Roubo e Recupera Celular Roubado

Todas as Notícias