Ex-prefeito de Barra do Ouro é Condenado Por Homicídio

Data do post: 06/04/2018 20:40:37 - Visualizações: (335)    Imprimir

Após vários adiamentos, aconteceu nesta quinta-feira, 05, o julgamento do ex-prefeito de Barra do Ouro, Eustáquio Antônio de Oliveira Filho, condenado a oito anos de prisão pelo homicídio do policial militar Celsimar Pereira da Silva, em Araguaína.

Reprodução InternetO crime ocorreu em 1991 e teve grande repercussão na região. Julgado em 2009, Eustáquio foi condenado a 14 anos de prisão, mas recorreu ao Tribunal de Justiça e foi absolvido. Na época, o Ministério Público Estadual (MPE) recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), que determinou a realização de um novo júri.

Confiante na culpa do réu, o Promotor de Justiça Paulo Alexandre Rodrigues de Siqueira defendeu a tese de homicídio qualificado. Ainda no plenário, mesmo depois da condenação, o MPE interpôs apelação solicitando pagamento de indenização à família da vítima, aumento da pena para cumprimento no regime fechado e execução imediata da sentença, com as consequências criminais e eleitorais cabíveis. Os pedidos serão apreciados pelo Tribunal de Justiça.

Segundo a denúncia, horas antes do assassinato, o político trafegava em alta velocidade pelas ruas de Araguaína e, por pouco, não atropelou um policial militar que resolveu segui-lo e descobriu que ele era vizinho do sargento Celsimar, a quem contou o acontecido.

O sargento então teria procurado o político para uma conversa e teria sido recebido com um tiro de arma de fogo, que resultou em sua morte.

Eustáquio foi prefeito em Barra do Ouro de 2001 a 2009 e, atualmente, sua esposa é a prefeita do município.

Fonte: Ministério Público Estadual

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Em Luzinópolis, Vereadores Anulam Eleição Recente Para Eleger Outro Presidente

Foto da notícia

Data: 14/12/2018 04:23:03 - Visualizações: 1454

Notícias Relacionadas

16/12/2018
Em Menos de 24 Horas, Polícia Civil Prende Suspeitos de Explosão de Caixa Eletrônico em Abreulândia

16/12/2018
Agente de Polícia Civil é Homenageado Pela Câmara de Vereadores de Dianópolis

16/12/2018
Integrantes da Secretaria da Segurança Participam de Reunião com MPE Sobre Lei da Escuta Protegida

16/12/2018
Com 96,3%, as Contas da Diretoria do SISEPE-TO São Aprovadas Pelos Sindicalizados

15/12/2018
Polícia Civil Prende Suspeito de Roubo e Ameaça no Interior do Estado

14/12/2018
Deputados Prestigiam Posse do Procurador-geral de Justiça no MPE

Todas as Notícias