Câmara Municipal de Tocantinópolis Promove Audiência Pública em Prevenção ao Suicídio

Data do post: 09/09/2018 08:41:09 - Visualizações: (796)    Imprimir

No último dia 6 de setembro de 2018 a Câmara Municipal de Tocantinópolis promoveu uma Audiência Pública – Setembro amarelo, mês de combate ao suicídio - requerimento de autoria do vereador Lamarck Pimentel (PODEMOS).

Foto: divulgaçãoSetembro é o mês que o Ministério da Saúde chama toda a sociedade para refletir sobre o problema do suicídio a fim de promover ações de prevenção.

A Audiência Pública teve início às 20 horas e na abertura foram exibidos dois vídeos sobre prevenção ao suicídio com intuito de sensibilizar os presentes ao tema a ser debatido. Na ocasião o vereador Lamarck Pimentel (PODEMOS) como presidente da sessão apresentou alguns dados publicados no Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde nestes termos: “o número de suicídios no Brasil aumentou em 12% em quatro anos. Em 2015, foram 11.736 notificações ante 10.490 registradas em 2011. Das mortes por suicídio entre 2011 e 2016, 31,3% ocorreram entre mulheres que já haviam tentado outras vezes. No grupo masculino, o porcentual é menor, mas também expressivo, 26,4%”. Perante esses dados exclamou: “Isso é muito preocupante!”

Foto: divulgaçãoSobre o município de Tocantinópolis, o vereador Lamarck Pimentel fez um breve levantamento de casos acontecidos e muitas tentativas de suicídio, sua fala foi para deixar bem claro a importância de unir forças entre o Poder Legislativo, o Poder Executivo, a Secretaria da Educação, Secretaria da Saúde, CRAS, igrejas e escolas para oferecer à sociedade suporte de prevenção e redução dos índices de suicídios no município.

A palavra sendo dirigida ao vereador Zullias Parente Amoury (PSD), como professor da rede pública de ensino relatou uma experiência vivida por ele na escola, uma aluna que viera a cometer suicídio e então disse: “o educador tem sentimento deincompetência para lidar com o problema”. Já o vereador Pedro Mendes (PSD), popularmente conhecido como Irmão do Lanche, também fez um relato de alguns casos acontecidos e chamou a atenção para a importância da fé nas Sagradas Escrituras como remédio na prevenção ao suicídio. À vice prefeitaElenyAraujo,que também ocupa o cargo de Secretária da Assistência Social, relatou as ações realizadas pela Secretaria da Assistência Social a muitas pessoas que estão procurando ajuda. Também falou da importância de levar o debate para dentro das escolas. Sendo dirigida a palavra à Sec. Educ. Cristiane Rosa, em sua fala enfatizou a importância da solidariedade entre as pessoas na sociedade, sejam dentro das famílias, entre os colegas de trabalho no sentido de que, cada um deve “prestar mais atenção no colega”, pois pela falta dessa percepção muitos vêm a cometer o suicídio sem que aquele que esteja próximo não perceba os sinais emitidos pela pessoa. Mas para isso são necessários conhecimentos e o poder público deve ofertar palestras de orientação.

Na sequência de falas, a psicóloga do Cras Karla Lúcia Ferré Lagares ressaltou a importância de educar as emoções, e disse que somos seres com sentimentos e sabermos lidar com essas emoções de ódio, amor, tristezas e alegrias são fundamentais para ter uma boa saúde psicológica. Já a representante da Sec. da Saúde Maria Vandecy, ela fez uma apresentação das ações que estão sendo desenvolvidas pela equipe da saúde junto à comunidade. Na exemplificação das ações descreveu uma peça de teatro de prevenção ao suicídio que está sendo apresentada junto com as palestras nos diversos eventospromovidos pela Secretaria, como nas aldeias e nas escolas.

Foto: divulgaçãoPara somar a sequência de debates, o Prof. Willian Costa de Medeiros, mestrando em filosofia pela Universidade Federal do Tocantins – Campus de Palmas, a convite do vereador Lamarck Pimentel, ele apresentou um projetode ação permanente para o município, pois o mesmo escreveu um livro abordando o tema suicídioa ser trabalho nas disciplinas de Filosofia ou em Língua Portuguesa, livro intitulado Viver ou não viver, quem decide? Material elaborado que segue a sequência didática sugerida por Silvio Gallo, filósofo brasileiro da Unicamp: sensibilização, problematização, investigação e conceituação, ou seja, uma oficina de filosofia, oficina de criação de conceito. Material que valoriza a vida e coloca o estudante e o professor para refletir sobre o problema do suicídiona filosofia e o agir moral diante de tal situação, além de orientar à procura de ajuda profissional, material dinâmico que com a orientação do professor o estudante poderá criar materiais de prevenção na escola e ser divulgado na mídia, tais como poesias, teatros, vídeos, etc.

Os participantes da audiência Pública lamentaram a ausência de alguns vereadores da casa de Leis, mas contam com o apoio dos mesmos. A Audiência Pública encerrou logo após o vereador Lamarck Pimentel apresentar os seguintes encaminhamentos e agradeceu a participação de todos:
1.    Cobrar do executivo a execução da emenda orçamentária que trata da capacitação de professores inserindo o tema do suicídio no contexto;
2.    Alinhar as ações dos poderes legislativo, executivo e entidades da sociedade civil durante a campanha do setembro amarelo;
3.    Melhorar e ampliar o sistema de notificações das tentativas de suicídio no âmbito do município de Tocantinópolis;
4.    Criar uma rede de acolhimento as famílias com vitimas do suicídio bem como a partir da notificação de tentativas ampliar o sistema de atenção preventiva.   
5.    Apoiar iniciativas de entidades da sociedade civil (igrejas, associações) que trabalhem com a prevenção do suicídio.  


Fonte: Ascom/Câmara de Tocantinópolis

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.

Em Destaque

Dois dos Três Jovens Acusados de Cortar Palmeiras em Rua de Tocantinópolis São Inocentados da Acusação

Foto da notícia

Data: 21/09/2018 00:46:29 - Visualizações: 4028

Notícias Relacionadas

23/09/2018
Segunda Turma de Indígenas é Formada Pelo PROERD em Tocantinópolis

21/09/2018
Em Tocantinópolis, Comando da 5ª CIPM Homenageia Policiais Militares ao Ingressarem na Reserva Remunerada

21/09/2018
Dois dos Três Jovens Acusados de Cortar Palmeiras em Rua de Tocantinópolis São Inocentados da Acusação

20/09/2018
Presidente da União de Vereadores do Estado do Tocantins (UVET) Declara Apoio a Eduardo Gomes

19/09/2018
PM de Tocantinópolis Prende Foragido da Justiça Enquanto Estava na Porta de Casa

15/09/2018
Vândalos São Presos Após Cortar Palmeiras Plantadas na Rua XV de Novembro em Tocantinópolis

Todas as Notícias