TOCANTINÓPOLIS:
Facebook Youtube Twitter
Siga-nos:

Projeto Cidadão do Futuro do 9º BPM Beneficia Alunos e Servidores da Escola Estadual Cícero Gomes

Data do post: 07/06/2019 13:58:11 - Visualizações: (363)

O Projeto “Cidadão do Futuro: Resgatando o Civismo” do 9º Batalhão da PM, realizou mais uma de sua edição por meio da 2ª Companhia Operacional Destacada da Unidade. O evento ocorreu na noite dessa quinta-feira, 06, na escola estadual Cícero Gomes, na cidade de Carrasco Bonito, onde beneficiou um público de mais de 110 pessoas, incluindo alunos do ensino médio, professores e servidores.

Ascom/ 9° BPMA cerimônia cívica aconteceu no pátio da escola. Houve cântico do Hino Nacional Brasileiro acompanhado principalmente pelo corpo de alunos. A Polícia Militar (PM) foi representada pelo Comandante da 2ª Companhia, capitão José Carlos da Costa Abreu, acompanhado de uma equipe de policiais militares.

Com base na metodologia do projeto Cidadão, capitão Abreu realizou uma palestra voltada a temática: “Prevenção ao uso de drogas lícitas e ilícitas”. Chamando a atenção do público para o enfrentamento da problemática, chamada droga.

Ascom/ 9° BPMNa sua avaliação, “O evento foi abrilhantado com a participação efetiva de alunos e professores que ilustraram casos concretos para uma melhor percepção e materialização dos conhecimentos trazidos para discussão.”, afirmou capitão Abreu.

PROJETO CIDADÃO DO FUTURO

Cidadão do Futuro, Resgatando o Civismo é um projeto social da Polícia Militar. Vem sendo efetivado através do comandante do 9º BPM, tenente coronel Wesley Dias Costa, em parceria com as escolas. O projeto teve início no dia 31 de março de 2015, e já beneficiou mais de 10 mil crianças em toda a região.

Fonte: Ascom/ 9° BPM

ATENÇÃO!

Os comentários do Portal Tocnoticias via Facebook, são de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook. Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo. Evite o uso de palavrões, acusações sem provas, discriminação ou difamação.